quarta-feira, 4 de março de 2009

Ana de Amsterdam - O Exemplo da Prostituta

Ana de Amsterdam é o nome de uma personagem do livro/peça “Calabar, o elogio da traição” (1973), de Chico Buarque e Ruy Guerra. Leitura enriquecedora.
O que chama a atenção em Ana é o seu caráter íntegro e personalidade forte. Ana é prostituta, se diz prostituta, vive como prostituta, mas não abre mão de seus valores. Enquanto, por necessidade e com sofrimento, vende seu corpo – por outro lado, deixa claro que, unicamente este, por alguns minutos está à venda.
Ana vende o corpo para sobreviver, apenas e tão somente por isso. Não vende opiniões ou atua pelo interesse oculto. Ana oferece 20 minutos de sexo e ilusão em troca de seu pão. Nada além. As coisas são como são. Por algumas míseras moedas, entrega sua mercadoria. Honestamente exposta, duramente usada.
Ana não negocia idéias próprias, seus modos, seus pontos de vista, seu status de mulher e de ser humano decente, apesar da necessidade de, por vezes - não ser. Aos olhos dos que não enxergam palmo além de si.
Ana sabe-se desimportante e vive como pode. Discreta, não divulga palavras sussurradas em seu ouvido, ou suas identidades. Não cobra por seu silêncio. Talvez, pelos gemidos.
Admiração e um estranho carinho pela dignidade de Ana de Amsterdam. A prostituta, cujos olhos enxutos e sorriso sincero, ninguém jamais conseguiu comprar. Corpo pode até ter um preço. Caráter não se compra. Muito menos pelo baixo preço de parecer o que se está longe de ser.
Quanto a nós outros, somos bonzinhos e tolerantes. Corpos quase intocáveis. Vírgulas ou pontos de vista, que importam?
Prostituta é Ana. De Amsterdam.
.
texto: paulo moreira

Um comentário:

Rosani Nauar disse...

Paulo:


Gostei muito desse seu texto, é uma reflexão sobre os valores, e a Ética...algo está faltando muito na nossa sociedade, pois estamos vivemos no conceito do Vale Tudo, onde a força da grana que está falando alto, porém, tudo mudar e a história é a prova disso...essa mudança começa na escola, pelos os educadores, estudantes que vão fazer a diferença...vc amigo é um dele, criando esse espaço onde nos podemos colocar nossas opiniões, comentários e textos que expressam que sentimos em relação vários assuntos.

Parabéns!!! continue mantendo esse espaço democrático.

Abraços